Dias coloridos!: Abril 2006
Dias coloridos!: Abril 2006
Cor e mais cor
 


online


Kinja, the weblog guide


aog69444
À beira mar plantada
A miúda da 4L
Boneca de Papel
Da minha vida sei eu
Duas novas vidinhas
Equívocos
Ilha das maçãs
Lia
Oriana
Uns e outros
Ynismon
2 tons

rosa02
A ervilha
A minha vida dava um blog
Apenas mais um
Bomba inteligente
Borboletas na barriga
Caixa de costura
Capitão Amendoim
Controversa maresia
De vagares...
E as fadas também se enganam no caminho?
Estorias minhas
Gomezzz
Ideiafixe
Lado B
Meia volta
Murcon
Papoila procria
PLS
Rititi
Rosa carne
Uma gota no oceano
Vento na praia

i2-1
100 Nada
A gata que mia
(In)certezas
A Ruiva
Lavandaria de ideias
Mais bolos
Marimbando
Olhos azuis
Rosa Shocking
P^2
Verde alface
Mordidas Mansas
Muito sobre nada
Água tónica e gingerale
Namorar o horizonte
Matraquilhos
Escárnio e bem dizer

i1
Bananada de goiaba
Casca d'Ovo
Doendes e duentes
Policromia
Amorizade
Assumidamente
Sr. Carne
The old man
A origem do amor
Cor de laranja
Blog de laranja
Pomboca
/var/log
Bosque da Robina
Maria da Lua
Thelma & Louise
Little black spot
Afixe
Una ragazza
Blog do Marretas
Do lado de cá
Homem a dias
Blog de terapia
Fragmagens
Assentador
Blog de uma loura
Brígida Jonas

orquidea
Miss Xangai

laranja

amarelaEvermelha

brancoEamarelo

vermelha


~Últimas pinceladas~

Novidades
So this is goodbye
Máscaras
Home Sweet Home - take 09
Wedding Planner - take 06
Música que eu não gosto
Coisas que eu gosto
Home Sweet Home - take 08
Home Sweet Home - take 07 - a brincadeira dos jorn...
My personal work ethic


~Contacto Colorido~
diascoloridos@hotmail.com


~Cores do passado~
Setembro 2003

Outubro 2003

Novembro 2003

Dezembro 2003

Janeiro 2004

Fevereiro 2004

Março 2004

Abril 2004

Maio 2004

Junho 2004

Julho 2004

Agosto 2004

Setembro 2004

Outubro 2004

Novembro 2004

Dezembro 2004

Janeiro 2005

Fevereiro 2005

Março 2005

Abril 2005

Maio 2005

Junho 2005

Julho 2005

Agosto 2005

Setembro 2005

Outubro 2005

Novembro 2005

Dezembro 2005

Janeiro 2006

Fevereiro 2006

Março 2006

Abril 2006

Maio 2006

Junho 2006

Julho 2006

Agosto 2006

Setembro 2006

Janeiro 2007



   

quinta-feira, abril 27, 2006

Habemus nuptiae

Tudo conversado e esclarecido.
Se o vento continuar a soprar a favor, temos casamento este ano!


[como é que vou organizar um casamento em 8 meses? boa pergunta!]

[posted by inha  @ 01:00 - 6 comments]


   

quarta-feira, abril 26, 2006

Férias!!!

Ora bem, depois de 4 dias de descanso (3 e 1/2 se contarmos que no domingo tive de vir à chafarica) um dia inteirinho de trabalho pôs-me assim a modos que exausta.
E como afinal aqui o circo já não está a pegar fogo (benditos baldes d'água na 6ª e a mangueirada final do domingo) e como eu, a modos que, tinha férias marcadas e não devia ter posto os meus pés (muito bem calçados com uns Ferragatos) neste cristório hoje, vou ali e já venho.

Como que a dizer, vou voltar para as minhas férias que ainda me faltam gozar 5 dias bem longe daqui.

[posted by inha  @ 19:17 - 0 comments]


   

Do fim de semana comprido
(que se devia prolongar até dia 2 de Maio, mas que foi brutalmente interrompido)

Sábado
Umas centenas de Kms para fazer um favor ao mano, fui buscar a futura-cunhada à Figueira da Foz.
Resumindo levantei-me quase à hora do costume, fui buscar o puto, fizemos uma piquêna paragem, ele foi furado e anda com os braços todos picados, eu (como namoradinha dedicada) fui comprar-lhe o pequeno-almoço (sou uma querida, não sou?)
Depois muitos Kms para baixo, 10 min na Figueira, e muitos Kms de volta para cima.
Almoço maravilha e tarde de mangueira e vassoura em punho para a 1ª take de limpeza da pool.
A noite foi na Foz, com ordem de soltura (há mais de um ano que não tinha uma saída de gajas!), todas aperaltadas e até tivemos direito a umas apitadelas!
Cheguei a casa para lá de morta, mas satisfeita.

Domingo
Para esquecer, fila de trânsito para chegar à chafarica (sim, vim trabalhar um pouquinho, mas só um pouquinho) e depois o raio do FTP que estava a flipar.

Segunda
Levantei tarde, pus o sono em dia e tratei de pendentes antes do almoço.
A tarde passei-a em bikini (sim, BIKINI!) na pool em limpezas.
Solinho maravilha, passarinhos a cantar e os putos a passear por perto.
Depois gym, correr para casa e fazer o jantar para a family e para o puto.
Pasta das boas! ;)
Serão no sofá a dormitar no ombro do puto enquanto ele via (a seca d)o Aviador.

Terça
Pool de manhã (devidamente besuntada de protector solar), seguida de 8Kms de bicla pelas subidas e descidas (em paralelo) da terrinha com o Papi.
Tarde de bicla com o puto na marginal de Leça.
E finalmente, depois de alguns dias de solinho (e algum auto-bronzeador à mistura) estou com alguma cor!

[posted by inha  @ 13:19 - 0 comments]


   

sexta-feira, abril 21, 2006

Confirmação

Nada de ginástica. Fiquei a vegetar no sofá durante 1h.

[posted by inha  @ 09:04 - 0 comments]


   

quinta-feira, abril 20, 2006

Quando a vontade é desitir

"please call me, we should discuss the proceeding"
Frases simples que são como uma pequena gota a fazer transbordar um copo já (muito) cheio.

Facto 1: estou de rastos, preciso de férias
Facto 2: posso esquecer os 3 dias de férias da próxima semana
Facto 3: porque raio ando a perder tempo a escrever posts depressivos quando devia estar a resolver o problema para ver se ainda consigo sair a horas da gym

[posted by inha  @ 13:40 - 0 comments]


   

terça-feira, abril 18, 2006

Amanhã vou almoçar com um puto assim giro como o meu puto, mas em loiro.
Hoje ao telefone disse-me um "Olá" que me deixou doida!

[posted by inha  @ 18:10 - 1 comments]


   

segunda-feira, abril 17, 2006

O fim de semana pascal foi mais ou menos assim
ou aqui vai a tua resposta


na volta, do almoço, música aos berros, cantar com a música também aos berros, vidros abertos e sentir o vento, um dia sol lindo, com cheirinho a Primavera
a preparar-me para enterrar uma semana complicada com os problemas todos resolvidos e entrar num fim de semana comprido cheio de descanso
Feliz, portantoS (mas foi sol de pouca dura)
o puto foi parar ao HSJ de novo...
resumindo, afinal não era nada, mas com o stress de 4h sem notícias fui-me completamente abaixo e o dia acabou com enorme crise de choro, na cama às 23h, quando ele já estava são e salvo em casa


nada como acordar cedinho em dia de folga, dar de comer aos meninos e passear a aproveitar o sol (passei os 3 dias nisto, a levantar cedo e passear meninos, variou foi o sol ou chuva)
depois caminha de novo e apanhar o Alguém tem de ceder quase no princípio (8h30), chorei como uma madalena...
saltito ao Porto para tratar de uma prenda de casamento
tarefas várias de gaja (que não tem tempo para si há demasiado tempo) como depenação e cabeleireiro
ainda deu para (tentar) tratar das férias de verão

sábado
na onda do deitar cedo e cedo erguer e voltar para a caminha
ando com o vício de ver filmes na cama lá pelas 8h da matina (O diário da nossa paixão) e chorar como se não houvesse amanhã
passei metade do dia a chorar feita parva, depois resolvi atirar-me para o colo do puto para ver se a coisa passava
levou-me ao cinema (nem vou dizer qual foi o raio do filme de tão mau que saiu, eu avisei que era uma droga, mas era a vez dele de escolher, quem me manda a mim ser democrática)
acabamos a noite a passear na foz, com uma temperatura óptima e um delicioso cheiro a mar

domingo
nada de filme, a ideia foi mesmo voltar para a cama depois do passeio e continuar a dormir
missa pascal, almoço pascal (e alguns doces pascais ... não resisti)
Kinder gingante!! ena! ena!
e fim de tarde a vegetar no sofá agarrada ao puto

chega-te como resposta? :)

[posted by inha  @ 17:47 - 0 comments]


   

quinta-feira, abril 13, 2006

Puzzles

Post assim a puxar para o plágio, mas depois de ler (a separar peças por cores e desenhos), as lembranças da casa da Póvoa, onde aterravam 3 famílias (3 gerações) em Junho, mal as aulas acabavam, para só levantarem âncora lá para Setembro, a tempo de voltar para os livros, saltaram.

Lá em casa, por entre a confusões de banhos no fim da praia (que eram antecedidos de um "para casa, já são quase 8h da noite" berrado da varanda) e pelo menos 11 pessoas sentadas à mesa para as refeições, na mesa de jogo, com o seu paninho verde, estava normalmente um puzzle em construção.

E, como conta a Kat, lá ficava em construção e cada pessoa que passava colocava mais uma peça. Havia os momentos críticos do céu, ou dos canteiros de flores, que por vezes reuniam vários membros em animada discussão sobre a melhor estratégia, e assim, no fim, tinhamos um puzzle completo com a ajuda de toda a familia.

A casa da Póvoa continua a existir, mas por entre confusões várias, ninguém lá vai há muito tempo. Ficam as saudades.
Mas acho que vou voltar aos puzzles a várias mãos.

[posted by inha  @ 09:43 - 0 comments]


   

Desejo de Páscoa
(completamente egoísta)

Um ovo kinder tamanho XL.

[e sol durante o fim de semana]

[posted by inha  @ 09:08 - 0 comments]


   

quarta-feira, abril 12, 2006

Está um dia lindo cá fora
ou, como quando os problemas se resolvem até o sol brilha mais

À hora do almoço, a olhar para o mar, bateu uma saudade enorme de um mergulho.

[posted by inha  @ 18:08 - 0 comments]


   

terça-feira, abril 11, 2006

Hora de ir para casa

Quando é preciso ler 4 vezes um mail de 5 linhas.
(e até está escrito em português!!)

[neurónio estorricado]

[posted by inha  @ 18:06 - 0 comments]


   

Receita

Nada melhor do que muito amor para tratar um coração ferido.
;)

[posted by inha  @ 17:06 - 0 comments]


   

segunda-feira, abril 10, 2006

Facto #28

Está um dia de Primavera lindo.



[o sol carrega-me as baterias]

[posted by inha  @ 14:00 - 1 comments]


   

quinta-feira, abril 06, 2006

A remos

Acordei de madrugada, calcei as galochas (gosto tanto desta palavra), vesti o impermeável amarelo, pus o chapeuzão (também) amarelo e atirei-me para dentro do barco.
Hoje de manhãzinha chovia tanto que resolvi deixar o carro em casa e vir de barco.

[posted by inha  @ 09:14 - 1 comments]


   

quarta-feira, abril 05, 2006

TILT!

As últimas semanas têm sido de loucos.
Desde horas a fio a trabalhar, sem almoço nem tempo para respirar, e com problemas vários na equipa (vontade ENORME de esbofetear as crianças com mais de 25 que por cá tenho), fora os verdadeiros problemas de trabalho.
Até ao internamento do namorado lindo e a uma susto enorme. Com o coração não se brinca. E estou farta da piada "partiste o coração ao rapaz?".
Pelo meio preocupações várias e questões sem resposta:
- apartir de Dezembro vou morar onde? Porto? Aveiro? St.T?
- alugo ou compro?
- para quando o casamento?
- mudar de emprego?
Questões simples portantoS.

A minha cabecinha anda a dar o TILT!
E por muito que me esforce por focar em questões pequenas e específicas, seguindo o conselho de uma amiga:
- Como é que se come um elefante? (entenda-se big problem)
- Aos bocadinhos.
acabo por me emaranhar em todas as questões, variáveis, inputs e outputs, e não consigo chegar a conclusão nenhuma de nada.

Resumindo, estão a ver um novelo de lã todo emaranhado? É o estado do meu neurónio, neste momento.

[posted by inha  @ 13:13 - 0 comments]


   

O que fazem os líderes eficazes?
Arménio Rego - Professor da Universidade de Aveiro

A resposta é dupla:
(1) recompensam o mérito e
(2) inspiram os colaboradores mediante uma liderança exemplar, visionária e respeitadora.
O primeiro tipo de liderança é de natureza transaccional. O segundo é de natureza transformacional.
A liderança transaccional é um processo de influência baseado na troca: consoante o nível de desempenho dos colaboradores, assim o líder lhes atribui recompensas (materiais e/ou simbólicas) e oportunidades. Em essência, o líder clarifica o que os colaboradores devem fazer e recompensa-os de acordo com o desempenho.

A liderança transformacional é de natureza distinta.
Envolve seis comportamentos.
(1) o líder articula uma visão ("O que queremos ser dentro de cinco anos") ambiciosa mas realista, compreensível pelos colaboradores e na qual estes se revêem. Actuando de modo condizente com a visão, o líder consegue mobilizar as energias das pessoas, inspirando-as e motivando-as.
(2) o líder dá o exemplo, procurando ser um modelo de conduta.
(3) o líder transmite elevadas expectativas de desempenho aos colaboradores. Confia neles e é exigente. Deste modo, os colaboradores esforçam-se por cumprir as expectativas do líder e empenham-se na concretização da visão.
(4) o líder promove, entre os colaboradores, a aceitação dos objectivos da equipa/organização. Assim fomenta a cooperação e o empenhamento na concretização desses objectivos.
(5) o líder trata os colaboradores como entidades singulares, e não como parcelas anónimas duma engrenagem. Presta atenção às necessidades de desenvolvimento dos colaboradores, encoraja-os, tenta desenvolver o seu potencial, fornece-lhes feedback, delega-lhes responsabilidades.
(6) o líder estimula intelectualmente os colaboradores. Induz- -lhes a tomada de consciência dos problemas. Fomenta-lhes o pensamento inovador/criativo. Impele-os a questionarem as suas assunções e os "dados adquiri- dos". Em vez de incitá-los à "yesmania" e à bajulação, promove o espírito crítico e o questionamento das "verdades feitas".

Os seis comportamentos, quando autênticos (e não "pseudotransformacionais" ou "impostores"), geram confiança e empenhamento nos colaboradores, os quais transcendem os auto-interesses em prol do grupo ou da organização. Assim, o líder consegue gerar grandes "transformações" organizacionais. Por estas razões, é habitual presumir-se que os líderes transformacionais são mais eficazes do que os transaccionais.
Todavia, há razões para supor que os líderes mais eficazes são simultaneamente transaccionais e transformacionais. Suponha o leitor que o seu líder adopta os seis comportamentos referidos, mas não recompensa devidamente o seu desempenho. Como se sentiria?! Há também razões para presumir que os líderes transformacionais são mais relevantes na fase da fundação da organização e em momentos de grande turbulência na envolvente, ao passo que os transaccionais são mais necessários em períodos de evolução lenta e envolventes estáveis. O exposto ajuda a compreender como podem ser melhorados os processos de liderança em Portugal.

Quais as razões por que as pessoas reagem positivamente aos líderes que actuam deste modo?
(1) quando se sentem respeitadas e reconhecidas pelo seu valor intelectual e emocional, as pessoas reagem reciprocamente com maior empenhamento no trabalho e na organização.
(2) os líderes que assim actuam libertam as forças e energias positivas dos colaboradores. Criam, assim, ambientes organizacionais repletos de optimismo, resiliência, confiança, alegria e empenhamento.
(3) quando a organização faculta oportunidades de aprendizagem e desenvolvimento pessoal, as pessoas encontram significado no seu trabalho e encaram a função como uma "vocação", e não como um mero "emprego". Como consequência, colocam o seu potencial ao serviço da organização e do trabalho.

[será que devia enviar este artigo ao meu chefe?? pergunto-me...]

[posted by inha  @ 13:04 - 1 comments]


   

segunda-feira, abril 03, 2006

Alta

E finalmente o puto teve alta!!!
IUPIIIIIIIIIII!
Vou buscá-lo daqui a pouquinho.
[não sei é o que vou fazer à carrada de reuniões que tenho durante todo o dia...]

[posted by inha  @ 09:37 - 3 comments]